top of page
Barletta

Benefícios dos Nutrientes Marinhos para a Saúde

Conheça algumas plantas marinhas e suas propriedades nutritivas.

Algas marinhas no oceano
Saiba o que o musgo irlandês e a bladderwrack (bodelha) podem fazer por sua saúde.

Algumas plantas marinhas fizeram parte da dieta de nossos ancestrais e até hoje são consumidas em diferentes partes da Ásia.


Embora kelp, nori, dulse e espirulina sejam as algas mais comumente usadas em sushi, sopas asiáticas, shots, lanches e temperos, existem outras variedades de plantas marinhas repletas de nutrientes.

Esses vegetais marinhos absorvem nutrientes do oceano tornando-se fontes benéficas de proteínas, fibras, gorduras poli-insaturadas saudáveis, antioxidantes, vitaminas e minerais.


Elas são a segunda fonte mais rica de iodo, nutriente fundamental para uma glândula tireoide saudável. Os hormônios da tireoide, tiroxina (T4) e tri-iodotironina (T3), desempenham um papel vital no crescimento e desenvolvimento do corpo e na regulação de vários processos metabólicos, incluindo também o funcionamento saudável do cérebro, coração, sistema imunológico, sistema digestivo, construção de músculos e ossos.


Duas plantas marinhas que contêm nutrientes interessantes para a saúde são o musgo irlandês, uma alga vermelha, e a bladderwrack, uma espécie de alga marinha castanha também conhecida pelos nomes de bodelha, bodelho, carvalhinho-do-mar, fava-do-mar e sargaço.


Musgo Irlandês

Alga marinha musgo irlandes
O musgo irlandes é rico em vitaminas e minerais tendo propriedades anti-inflamatórias.

O musgo irlandês é um tipo de alga vermelha que cresce no lado atlântico da Europa e da América do Norte. A cor marrom-avermelhada do musgo irlandês se deve à presença de fucoxantina, um carotenóide marinho.


Tradicionalmente era usada como um tônico respiratório para aliviar a congestão, tosse, dor de garganta, nutrir e tratar doenças de pele. Além das vitaminas A, C, E e algumas do grupo B, também contém aminoácidos que ajudam na formação de colágeno no organismo. É uma das poucas fontes alimentares do aminoácido taurina e ácidos graxos ômega-3, ambos importantes para a saúde cardiovascular e comumente ausentes nas dietas vegetarianas e veganas.


Além disso, o musgo irlandês é rico em iodo e selênio, nutrientes essenciais para uma glândula tireoide saudável. A fucoxantina, juntamente com os outros carotenóides presentes no musgo irlandês, também desempenha papel regulador na manutenção do nível de açúcar no sangue.


O musgo irlandês é ainda uma boa fonte de ferro que ajuda no aumento da hemoglobina, prevenindo a anemia.


Estudos provaram que os antioxidantes do musgo irlandês protegem contra os danos dos radicais livres causados ​​pelos raios UV, poluentes ambientais, fumo e outros elementos nocivos à saúde. Suas propriedades anti-inflamatórias ajudam a reduzir a dor e o inchaço na artrite, aumentando a mobilidade e a lubrificação das articulações.


É rico em fibras e um grande apoiador do sistema digestivo por suas propriedades gelatinosas, que fornecem um revestimento que pode ajudar a aliviar algumas úlceras estomacais e intestinais.


Bodelha (Bladderwrack)


Alga marinha Bladderwrack
Bodelha (Bladderwrack): contém fitoquímicos como fucoxantina, florotanino e fucoidan

A Bodelha é um tipo de alga marrom coriácea que cresce na costa norte do Pacífico e do Atlântico, e na costa norte do Báltico europeu. O nome bodelha é derivado de suas vagens ou bexigas cheias de ar que ajudam as algas a flutuarem.


Semelhante ao musgo irlandês, é fonte de muitas vitaminas, incluindo A, B12, C e D, minerais como iodo, cálcio, magnésio, potássio e zinco. Essa alga é rica em nutrientes que apoiam a saúde da tireoide, regulam o metabolismo e ajudam no fortalecimento da imunidade, bem como no fortalecimento dos sistemas nervoso e músculo-esquelético.


Além disso, a bodelha contém fitoquímicos como fucoxantina, florotanino e fucoidan. O fucoidan é conhecido por ter propriedades semelhantes às da vitamina C, gerando benefícios cardiovasculares e apoiando a manutenção da glicose no sangue (*1).


Os fitoquímicos, fucoxantina e florotanino contribuem com propriedades anti-inflamatórias e antioxidantes, sendo conhecidos por auxiliarem na constipação graças a presença do ácido algínico, uma fibra solúvel.


Ela também apresenta alginato de cálcio, que auxilia na cicatrização de feridas. Devido à sua alta mucilagem e propriedades demulcentes, a bodelha protege contra irritações e inflamações do trato digestivo.


Em resumo, quando combinados, o musgo irlandês e a bodelha promovem o funcionamento saudável da glândula tireóide, das articulações, dos sistemas digestivo, cardiovascular, nervoso e da saúde em geral.


---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------


Referências:

(*1). V. Ivanov et al. Seaweed – a substitute for ascorbic acid. J CM & NH, June 2016


---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------


Commentaires


Les commentaires ont été désactivés.
bottom of page